Início Gadgets Adidas deixará de fazer dispositivos de wearable fitness

Adidas deixará de fazer dispositivos de wearable fitness

COMPARTILHAR

A Adidas está oficialmente saindo do setor de wearable fitness, pelo menos quando se trata de fazer seus próprios dispositivos, de acordo com um relatório do Portland Business Journal que a empresa está fechando sua divisão de hardware.

Leia também:

Atualização do Android Wear Oreo: Google revela lista de dispositivos

A empresa irá mudar os esforços para se concentrar em software – especificamente, o Adidas App e a Runtastic (que a empresa comprou em 2015). A empresa que é uma das gigantes do mundo esportivo e não só, lançou vários rastreadores físicos portáteis sob o nome de miCoach, culminando no smartphone MiCoach Smart Run, mas parece que nenhum deles realmente decolou.

A empresa já estava se afastando do desenvolvimento de hardware a algum tempo – em um relatório no ano passado da Wareable, Stacey Burr, a vice-presidente de eletrônicos esportivos portáteis da companhia comentou que “não vamos ver um novo relógio da Adidas para um tempo.”

É um caminho que mais ou menos reflete o movimento feito pela Nike alguns anos atrás, que também tentou e falhou com seu hardware de rastreamento fitness Fuelband antes de rodar para trabalhar em software com parceiros como a Apple (que agora faz um Apple Watch da marca Nike) .

E, como a Nike, a Adidas também não está desaparecendo completamente da frente do hardware – a empresa já anunciou planos para se juntar com a Fitbit para uma edição Adidas do smartwatch Ionic em algum momento em 2018.

Via: The Verge

Loading...