Se você quer melhorar a sua experiência com os jogos, mas não tem tanto dinheiro, é preciso fazer escolhas precisas. Uma dúvida que paira hoje em dia entre os que pretendem competir é o dispositivo para jogos: computador, smartphone ou console? Aqui, falaremos sobre as vantagens e desvantagens de cada um deles.

Computador

Ter um computador com capacidade de rodar os jogos mais atuais é muito vantajoso, pois o equipamento acaba se tornando um coringa. A grande maioria dos jogos de console são lançados para PC e também é possível jogar os jogos mobile através dos emuladores. Mas, você não terá os jogos exclusivos lançados para os videogames.

Outra vantagem é que dificilmente o computador ficará obsoleto. A partir do momento em que você comprar um CPU gamer há a possibilidade de upgrade. Se um dos componentes passar a não corresponder mais, você poderá trocá-lo por um novo. Com a chegada de alguns serviços de jogos via nuvem, será possível jogar games pesados mesmo sem ter um computador potente, desde que você tenha uma internet estável. Por fim, vale citar a maior oferta de periféricos personalizáveis que você pode adquirir com o passar do tempo e deixar sua experiência ainda mais completa.

Smartphone

A maior vantagem do Smartphone é um cenário competitivo extremamente consolidado em diversos games, principalmente Free Fire e Fortnite. O investimento também tende a ser bem menor do que o exigido nas outras opções e os jogos também são bem mais baratos, muitas vezes gratuitos. Além disso, é comum que os jogos mobile sejam mais fáceis de aprender.

Entretanto, a experiência de jogar pelo smartphone é limitada se comparada às das outras opções. Mesmo que você tenha os periféricos que melhoram a jogabilidade, a tela pequena sempre será um desafio.

Consoles

Com os consoles de última geração, você terá a garantia de que conseguirá passar vários anos jogando os lançamentos mais recentes sem nenhum problema, mesmo que os preços sejam bem mais altos no Brasil. Outra vantagem está nos sistemas de jogos por assinatura, como o Game Pass, do Xbox, e o PS Now, do Playstation, que está evoluindo para concorrer com o serviço da Microsoft e recentemente surpreendeu ao adicionar grandes títulos. Com um videogame, você também terá os jogos exclusivos que costumam fazer muito sucesso.

Neste caso, são duas as desvantagens. Mesmo que demore um bom tempo, o seu console se tornará obsoleto e você terá que investir mais dinheiro se quiser continuar jogando os lançamentos, pois não há possibilidade de upgrade como no PC. Mas, o que realmente pode pesar bastante no bolso é o valor dos games, que costumam ser muito mais caros nos consoles do que nas plataformas de venda para computador e celular.

Artigo anteriorInstagram testa função de “compartilhar de novo”
Próximo artigoComo deixar seu quarto com a cara da sua série favorita