Finalmente, F9: The Fast Saga está nos cinemas, então certifique-se de conferir Crítica do filme da GameSpot. Pode estar atrasado mais de um ano graças à pandemia de COVID-19, mas Fast 9 – o último filme da franquia Velozes e Furiosos – finalmente viu a luz do dia, reunindo fãs com Dominic Toretto (Vin Diesel) e seu família. E enquanto o filme foi recheado com todos os tipos de ação intensa, reviravoltas na trama e surpresas, precisamos conversar sobre esse final.

A primeira coisa é a primeira, sim, há uma cena no meio dos créditos em Fast 9. Portanto, não saia correndo da cadeira no momento em que o filme terminar. Além disso, você deve ficar por aqui para os créditos de qualquer maneira. Muitas pessoas trabalharam duro para tornar este filme uma realidade e você deve dar a elas a atenção que elas merecem.

Quanto ao final, os momentos finais do filme determinam o que esperar dos próximos dois filmes – e esses filmes supostamente serão as entradas finais da série principal.

Nenhuma legenda fornecida

Jakob Toretto

Em primeiro lugar, depois de ser o antagonista ao longo do filme, Jakob fica do lado de sua família e os ajuda a impedir que Cipher (Charlize Theron) e Otto (Thue Ersted Rasmussen) ganhem o controle da tecnologia que pode invadir qualquer sistema de armas do mundo. Certo, Jakob abandonar sua causa maligna para ajudar seu irmão não é um momento inteiramente merecido. É bastante óbvio que ele provavelmente teria permanecido um cara mau se Cipher e Otto não tivessem se voltado contra ele, mas não havia como esse filme terminar com um Toretto sendo um vilão.

Artigo anteriorVaza: especificações Oppo A93s 5G!
Próximo artigoMelty Blood: Type Lumina é o próximo jogo do ex-produtor de Street Fighter