Início Nasa NASA: Sonda Curiosity recebe atualização de software para proteção das rodas

NASA: Sonda Curiosity recebe atualização de software para proteção das rodas

COMPARTILHAR

Os cientistas da NASA recentemente atualizaram o software da sonda Curiosity para ajustar a velocidade de suas rodas com base na superfície marciana que navega. O novo algoritmo irá proteger as rodas do rover contra danos e evitar que eles se desmoronem.

De acordo com a Popular Mechanics, o rover começou a sofrer impactos da estada prolongada no território desigual, complexo e hostil do Planeta Vermelho. Durante um checkout de rotina em março deste ano, a equipe que operava o rover detectou inúmeros buracos no meio esquerdo do veículo. A descoberta foi feita com a ajuda das imagens tiradas pela câmera anexada ao braço do rover que permite capturar fotos das rodas em intervalos regulares.

Leia também:

Sonda Curiosity encontra diversos minérios em rochas de Marte

Embora o dano da roda não seja um fenômeno novo para o rover Curiosity, sua condição piorou significativamente durante 2013, quando atravessava uma área particularmente complicada, perto do Monte Sharp, que tinha rocas duras. O problema real surge quando o rover tem que viajar sobre uma superfície rochosa e desigual, porque o controle sobre o terreno muda significativamente. Isto é precisamente onde a atualização do software vai ajudar o rover – controlando a mudança de tração ou aderência.

“Se é uma rocha apontada, é mais provável que penetre entre as rodas”, disse Art Rankin, do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA. “O desgaste da roda tem sido motivo de preocupação e, embora estimemos que eles ainda durem por anos, queremos reduzir esse desgaste sempre que possível para prolongar a vida das rodas”.

Aliás, esta é a quinta atualização que o rover recebeu desde que aterrissou no planeta vermelho em agosto de 2012. O software usa dados em tempo real para ajustar e calcular a velocidade correta para as rodas do rover para evitar o deslizamento e melhorar sua tração.

Loading...
COMPARTILHAR
  • Aristide Alves

    eu tambem acemelhei ideias de drones na exploracao de marte