Início Android Samsung diz que “quase 85 por cento” dos Note 7 já foram...

Samsung diz que “quase 85 por cento” dos Note 7 já foram devolvidos

COMPARTILHAR

Samsung disse que quase 85 por cento dos Notes 7 já foram devolvidos nos EUA, o que significa que existem cerca de 285.000 telefones à serem devolvidos.

Para obter esses telefones que faltam, a Samsung, basicamente tem planos para irritar os clientes em devolvê-los. É a emissão de uma atualização de software que fará com que uma mensagem de recordação em forma de pop-up apareça toda vez que alguém “ligar a tela do Note 7.”

A atualização também irá limitar a vida útil da bateria do telefone para 60 por cento. Não está claro se isso é uma medida preventiva para reduzir a probabilidade do telefone de pegar fogo, mas certamente vai fazer os usuários que ainda possuem o telefone menos desejável à continuar com o dispositivo.

Soa como se a atualização estivesse saindo em todas as companhias aéreas dos EUA. Verizon, AT & T e T-Mobile confirmaram que eles estarão emitindo a atualização.

“Continuamos focados em recolher os telefones Galaxy Note 7 do mercado”, disse a Samsung em um comunicado. A atualização, ele disse, destina-se a “impulsionar ainda mais a participação” para o retorno dos telefones.

Enquanto nada sobre este recall possa exatamente ser chamado como uma boa notícia para a Samsung, que diz que “a maioria” das pessoas que regressam ao Note 7 optaram por receber outro telefone da Samsung. Apesar da Samsung, e os portadores, vêm oferecendo incentivos para que isso aconteça.

Atualizações de software semelhantes já foram lançados ao redor do mundo já, inclusive na Coreia do Sul, Europa e Austrália, todos limitando a bateria do Note 7 à 60 por cento. Na Nova Zelândia, as operadoras ainda estão impedindo que o telefone se conecte a suas redes sem fio.

Fonte: The Verge

Loading...
COMPARTILHAR