Início Nasa Sonda Cassini se prepara para o seu Grand Finale em Saturno

Sonda Cassini se prepara para o seu Grand Finale em Saturno

COMPARTILHAR

Lançado há 20 anos, a nave espacial Cassini da NASA agora tem menos de 20 dias para o mergulho final na atmosfera de Saturno.

A queda fatídica em 15 de setembro é uma conclusão inevitável – em 22 de abril, um golpe gravitacional da lua de Saturno, Titã, colocou o veículo de duas toneladas e meia em seu caminho para a iminente destruição, disse a NASA.

“A missão Cassini foi cheia de avanços científicos e nossas revelações planetárias únicas continuarão até o fim da missão, já que Cassini se torna a primeira sonda planetária de Saturno, provando a atmosfera de Saturno até o último segundo”, disse Linda Spilker, Cientista do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA em Pasadena, Califórnia.

Espera-se que a espaçonave perca contato de rádio com a Terra dentro de aproximadamente um a dois minutos depois de começar sua descida na atmosfera superior de Saturno.

Mas, no caminho para baixo, antes do contato se perder, oito dos 12 instrumentos científicos da Cassini estarão operando.

Em particular, o espectrômetro de massa de íons e neutros da nave espacial (INMS), que amostrará diretamente a composição da atmosfera, potencialmente retornando visões sobre a formação e evolução do planeta gigante.

No dia anterior ao mergulho, outros instrumentos da Cassini farão observações detalhadas e de alta resolução das auroras de Saturno, a temperatura e os vórtices nos pólos do planeta.

“O fim da missão da Cassini será um momento pungente, mas uma conclusão adequada e necessária de uma jornada surpreendente”, disse Earl Maize, Gerente de Projeto Cassini do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA em Pasadena, Califórnia.

A missão Cassini-Huygens é um projeto cooperativo da NASA, da ESA (Agência Espacial Européia) e da Agência Espacial Italiana. Lançado em 1997, Cassini chegou a Saturno em 2004.

Como Cassini completa o seu tour de 13 anos de Saturno, o Grand Finale – que começou em abril – e o mergulho final são apenas a última batida.

Após uma missão primária de quatro anos e uma extensão de dois anos, a NASA aprovou um plano ambicioso para ampliar o serviço da Cassini em mais sete anos.

“O Grand Finale representa o ponto culminante de um plano de sete anos para usar os recursos remanescentes da nave espacial da maneira mais cientificamente produtiva possível. Ao descartar com segurança a nave espacial na atmosfera de Saturno, evitamos qualquer possibilidade que Cassini possa afetar uma das luas de Saturno em algum lugar, mantendo-os prístinos para exploração futura “, acrescentou Maize.

Loading...
COMPARTILHAR