Início Noticias YouTube cancela a série original de PewDiePie após controvérsia nazista

YouTube cancela a série original de PewDiePie após controvérsia nazista

COMPARTILHAR

A maior estrela do YouTube, PewDiePie, sempre flertou com a controvérsia. Mas seu recente uso de imagens nazistas e humor anti-semita foi longe demais para seus parceiros corporativos. Na segunda-feira à noite, a Disney anunciou que estava cortando os laços com o PewDiePie, e agora o Coluna Tech pode relatar que o YouTube também está cortando seu relacionamento comercial com seu rosto mais famoso.

Leia também:

YouTube lança transmisão móvel ao vivo para seus maiores youtubers

PS VR: Aplicativo do YouTube agora permite que você assista vídeos de 360 graus

PewDiePie estava definido para lançar a segunda temporada de sua série original, Scare PewDiePie, um exclusivo YouTube Red que o gigante de vídeo é pago para produzir. O lançamento desse show já foi cancelado, de acordo com um porta-voz da plataforma de vídeos. O PewDiePie também está sendo removido do programa de publicidade Google Preferred, que é reservado para seus criadores maiores e mais comercializáveis. Isso terá um impacto direto nos lucros da estrela do YouTube, já que o programa Preferred é o lar da publicidade de marca que gera mais receita do que a publicidade típica do YouTube.

PewDiePie não vai perder seu canal ou seus mais de 50 milhões de assinantes, e ele pode continuar a monetizá-los através de publicidade regular. Mas o YouTube removeu os anúncios dos vídeos que desencadearam esse tumulto, e irá sem dúvida manter um olhar atento sobre qualquer poster provocativo carregado no futuro próximo. O garoto prodígio do YouTube também tirou pelo menos três dos vídeos que continham imagens nazistas ou material anti-semita.

A virada dos eventos poderia provar um retrocesso para o serviço de assinatura da plataforma, YouTube Red, que foi fortemente comercializado em conjunto com PewDiePie.

Via The Verge

Loading...