O que é doença de Lyme ? Enfermidade sofrida por Justin Bieber

doença de lyme - justin bieber

Justin Bieber revelou nas redes sociais nesta terça-feira (07) que será forçado a adiar algumas de suas apresentações agendadas devido à sua saúde. Desde 2020, o artista revelou ter a doença de Lyme, além da mononucleose crônica.

Leia também:

NASA descobriu um exoplaneta parecido com a Terra, o K2-141b

“Não acredito que eu estou dizendo isso. Eu já fiz de tudo para melhorar, mas a minha doença só fica pior. Meu coração se quebra ao saber que tenho que adiar esses próximos shows (ordem médica). Para todos meus fãs, eu amo vocês demais e eu vou descansar e ficar bem!” Disse o artista.

Doença de Lyme

é uma doença infecciosa causada por bactérias do género Borrelia transmitidas por carraças (carrapatos). O sinal de infeção mais comum é uma mancha vermelha e saliente no local da picada, denominada eritema migratório.

A mancha aparece uma semana após a infeção e expande-se lentamente, muitas vezes com uma zona clara ao centro formando vários anéis concêntricos. Geralmente o eritema é indolor, não causa comichão e desaparece ao fim de 3–4 semanas.

No entanto, cerca de 25–50% das pessoas não desenvolvem eritema. Entre outros sintomas iniciais estão febre, dor de cabeça e fadiga. Quando não é tratada no estádio inicial, os sintomas dos estádios posteriores incluem paralisia de um ou de ambos os lados da face, dor nas articulações, dores de cabeça intensas com rigidez no pescoço ou palpitações cardíacas.

Nos meses ou anos seguintes podem ocorrer episódios recorrentes de dor e inchaço nas articulações. Em alguns casos as pessoas manifestam dor intensa ou formigueiro nos braços e pernas. Mesmo com tratamento, entre 10 e 20% das pessoas desenvolvem dor nas articulações, problemas de memória e fadiga que podem perdurar ao longo da vida.

Transmissão

A doença de Lyme é transmitida para os seres humanos através da picada de uma carraça do género Ixodes infetada com a bactéria. Geralmente é necessário que a carraça esteja agarrada ao corpo durante 36 a 48 horas para que a bactéria seja transmitida.

Na América do Norte, a doença é causada principalmente pelas bactérias Borrelia burgdorferi e Borrelia mayonii. Na Europa e na Ásia, são também causas da doença as bactérias Borrelia afzelii e Borrelia garinii.

A doença não aparenta ser transmissível entre pessoas, por outros animais ou através dos alimentos. O diagnóstico baseia-se nos sinais e sintomas, em antecedentes de exposição a carraças e em alguns casos na deteção de anticorpos específicos no sangue. As análises ao sangue são geralmente negativas nos estádios iniciais da doença. Geralmente não há utilidade em examinar carraças individualmente.

Prevenção

A prevenção consiste em medidas para impedir a picada de carraças. Entre as medidas de prevenção estão o uso de vestuário que cubra as pernas e braços, colocar as calças por dentro das meias, manter-se nos caminhos, e aplicar repelente de insetos com DEET. Pode também ser eficaz a utilização de pesticidas para diminuir o número de carraças.

Em caso de picada, a carraça pode ser removida com uma pinça. Caso a carraça removida se encontre cheia de sangue, o desenvolvimento de infeção pode ser prevenido com uma dose única de doxiciclina. No entanto, isto geralmente não é recomendado, uma vez que o desenvolvimento de infeção é raro.

Para os casos em que se desenvolve uma infeção estão disponíveis uma série de antibióticos eficazes, entre os quais doxiciclina, amoxicilina e cefuroxima. O tratamento habitual tem geralmente a duração de duas a três semanas. Algumas pessoas desenvolvem febre e dores nas articulações durante o tratamento, que podem durar um a dois dias. Em pessoas que desenvolvem sintomas persistentes, a terapêutica de longa duração com antibióticos não aparenta ter utilidade.

Fonte: Wikipédia

Artigo anteriorO Senhor dos Anéis: Os Anéis do Poder revela Celebrimbor
Próximo artigoRevelado um especial animado de Sonic Frontiers
Benvindo Zacarias
Fundador do Coluna Tech, Formado em ciência da computação aprecia tecnologia e inovação.”Gosto muito de tecnologia e tudo o que ela traz de melhorias em nossas vidas.”